Presidentes Americanos Maçons (Final)

O York Blog publicará nas próximas segundas uma sequência de resumos biográficos dos Presidentes Americanos Maçons publicado pela Grande Loja do Texas.

Presidentes Americanos Maçons

Por Grande Loja do Texas

Tradução: Luiz Felipe Rosezweig Ferreira

HARRY S. TRUMAN, 33º PRESIDENTE AMERICANO (1945 – 1953)

Harry Truman nasceu em Lamar, Missouri, em 1884. Ele cresceu em Independence e por 12 anos foi um próspero fazendeiro do Missouri. Na I Guerra Mundial foi para a França como capitão na artilharia de campo. Retornando, ele se casou com Elizabeth Virginia Wallace e abriu uma pequena loja em Kansas City. Truman era um maçom bastante atuante tendo recebido seus graus na “Belton Lodge” em Grandview, Missouri, em 1909. Em 1911 Truman e outros Irmãos organizaram a “Grandview Lodge” sendo Truman o primeiro Venerável Mestre. Em 1940, Truman foi eleito Grão-Mestre da Grande Loja do Missouri e serviu até outubro de 1941. Truman tornou-se Senador em 1934 e acompanhou ativamente os esforços de guerra. O Irmão Franklin D. Roosevelt escolheu Truman para ser candidato à vice-presidente nas eleições de 1944, vencida por Roosevelt. Durante algumas semanas como Vice-Presidente Truman pouco viu Roosevelt e não recebeu informações sobre o desenvolvimento da bomba atômica ou das dificuldades que se desdobravam com a Russa Soviética. Inesperadamente Truman assumiu esses e outras questões quando em 12 de abril de 1945, após a morte de Roosevelt, assumiu a presidência. Ele disse aos repórteres “Eu me senti como se a Lua, as estrelas e os outros planetas tivessem caído sobre mim”. Como Presidente Truman tomou algumas das decisões mais cruciais da história. Logo após o Dia da Vitória na Europa[1] (8 de maio de 1945) a guerra contra o Japão atingiu sua fase final. Os japoneses rejeitaram a rendição, então Truman, após consultar seus conselheiros ordenou que a bomba atômica fosse lançada sobre as cidades dedicadas ao trabalho de guerra (Hiroshima e Nagasaki). A rendição japonesa seguiu-se rapidamente. Em 1948, a campanha foi dominada pela crise política internacional, mas Truman venceu a disputa. Posteriormente em 1952 Truman decidiu não concorrer a um segundo mandato aposentando-se da presidência em 1953 retornando para Independence, Missouri, onde faleceu em 26 de dezembro de 1972, com 88 anos.

 

GERALD R. FORD, 38º PRESIDENTE AMERICANO (1974 – 1977)

Nascido em Omaha, Nebrasca, em 1913, Gerald R. Ford cresceu em Grand Rapids, Michigan. Ele foi uma estrela no time de futebol americano da Michigan University, depois indo para Yale onde atuou como assistente técnico e obteve o diploma de Direito. Durante a II Grande Guerra alcançou o posto de tenente-comandante da Marinha. Depois da Guerra retornou para Grand Rapids onde começou a exercer a advocacia e entrou para o partido republicano. Em 1948 foi eleito para o Congresso onde desenvolveu uma reputação de integridade e transparência. Essa reputação foi mantida durante os 25 anos em que esteve no Congresso, onde atuou como líder da minoria entre 1965 e 1973. Ford iniciou na maçonaria em 30 de setembro de 1949 na “Malta Lodge” em Grand Rapids. Em 1951 ele foi passado e elevado na “Columbia Lodge”, a pedido de sua Loja mãe, enquanto servia como Deputado. Ford tomou posse como Presidente em 9 de agosto de 1974 e declarou “Eu assumo a presidência em circunstâncias extraordinárias. Esta é uma hora da história que pertuba nossas mentes e fere nossos corações”. É verdade que foi um momento sem precedentes. Ele foi o primeiro vice-presidente escolhido nos termos da 25ª Emenda  e por conta do Watergate  assumiu com a renúnica do Presidente Nixon . Ford ganhou a indicação republicana em 1976 mas perdeu a eleição para seu adversário democrata.

 

O 15º PRESIDENTE MAÇOM

No tribunal de Plattsburg, Missouri, na estátua do Irmão Atchinson há a inscrição “David Rice Atchinson 1807 – 1886, Presidente dos Estados Unidos por um dia”. O motivo disso foi a transição do cargo do Presidente James Polk para Zachary Taylor. De acordo com a lei na época o Presidente Polk deveria deixar o cargo em 4 de março de 1849. Porém Taylor era um homem profundamente religioso e não aceitava ser empossado em um domingo. Assim, de acordo com as leis de sucessão a Presidência recairia para o Vice-Presidente George Dallas, porém, seu mandato também terminava em 4 de março. Assim, a linha de sucessão na sequência dava o direito ao Presidente Pro-Tempore do Senado[2] – na época o Irmão David Rice Atchinson. O problema foi debatido no Congresso por várias horas e acordado por eles que o Irmão Atchinson embora nunca tenha sido empossado pela Constituição Americana foi legalmente Presidente em 5 de março de 1849. O Irmão Atchinson era um membro da “Platte Lodge” em Platte City, Missouri.

[1] Não confundir com o Dia “D” ocorrido em 1944.

[2] Constitucionalmente o Vice-Presidente Americano também é o Presidente do Senado, ficando aos Senador a incumbência de eleger o Vice-Presidente Pro-Tempore, que é quem habitualmente preside as sessões.

Deixe uma resposta