• NOTAS FINAIS SOBRE O LIVRO “ENTRE DOIS AMORES”
  • “Ausculta Fili”: Um comentário em 7 pontos
  • Resenha: “Entre Dois Amores”
  • Maçons, eleições e discussões políticas
  • RORAIMA: Um chamado à ação maçônica

Diálogos de um velho Cobridor – I:3

Diálogos de um velho Cobridor Por Carl Claudy (1879-1957) Tradução: Edgard da Costa Freitas Neto, M∴ M∴ Os “Diálogos de um velho Cobridor” são uma série de pequenas peças escritas pelo Ir∴ Carl Claudy no ano de 1924 que retratam, através do diálogo fictício entre um maçom com pouco tempo de iniciado e um maçom mais antigo e experiente, a visão de Claudy sobre a filosofia maçônica. São 70, no…

Read More >>

Maçonaria na Literatura: “Guerra e Paz”, de Leo Tolstoi

“Guerra e Paz”, de Lev Tolstoi, é considerado uma das obras primas da literatura russa, já tendo sido adaptado para o cinema e a televisão algumas vezes, incluindo uma nova série que estreou este ano (2016). Narra a história da Rússia durante o período das Guerras Napoleônicas, sob a ótica de cinco famílias. Um dos personagens, talvez o mais importante, é o Conde Pierre (ou Pedro) Bezukov, um jovem herdeiro…

Read More >>

Versos livres

Como posso eu simplesmente deixar você ir embora? Simplesmente deixar você partir sem deixar marcas? Quando eu fico suspirando…por você! Sem você, meu coração parece uma sacola de plástico perto do fogo: quanto mais a esquenta, mais rápido parece buscar desaparecer. Me espera amor, que eu vou chegar. Não me deixe no tempo, Que posso te perder. (Ícaro Emanoel) EmailWhatsAppFacebookPrintGoogle+LinkedinTwitterMore

Read More >>

Maçonaria na Poesia: “À minha Loja-Mãe”, de Rudyard Kipling

Rudyard Kipling foi um dos maiores escritores da língua inglesa. Foi autor, dentre outros, de Mowgli e d´O Livro da Selva. Kipling foi, também, um maçom ativo e fervoroso, e a maçonaria foi retratada em algumas de suas obras, como no conto “O Homem que queria ser Rei” e neste poema. À Minha Loja-Mãe Por Rudyard Kipling (1865 – 1936) Tradução (em versos livres e pés quebrados): Edgard da Costa…

Read More >>

Diálogos de um velho Cobridor – I:2

Diálogos de um velho Cobridor Por Carl Claudy (1879-1957) Tradução: Edgard da Costa Freitas Neto, M∴ M∴ Os “Diálogos de um velho Cobridor” são uma série de pequenas peças escritas pelo Ir∴ Carl Claudy no ano de 1924 que retratam, através do diálogo fictício entre um maçom com pouco tempo de iniciado e um maçom mais antigo e experiente, a visão de Claudy sobre a filosofia maçônica. São 70, no…

Read More >>

Liberdade e Democracia

Certa feita, sem poder comparecer a uma reunião, o encarregado de passar os trabalhos pediu que um irmão informasse que o tema do trabalho era DEMOCRACIA, esse irmão, ao chegar na sessão falou que o tema era LIBERDADE. Talvez os entendidos de psicologia expliquem melhor, se é que existe um termo técnico para essa confusão de palavras, mas tenho para mim que ocorre quando as pessoas memorizam o sentido, não…

Read More >>

Diálogos de um velho Cobridor – I:1

Diálogos de um velho Cobridor Por Carl Claudy (1879-1957) Tradução: Edgard da Costa Freitas Neto, M∴ M∴ Os “Diálogos do Velho Cobridor” são uma série de pequenas peças escritas pelo Ir∴ Carl Claudy no ano de 1924. São 70, no total, divididas em 7 capítulos. O YORK BLOG disponibilizará a tradução de dois diálogos por semana para os seus leitores, às terças e quintas. Capítulo I – Shekinah Uma Loja…

Read More >>

As Virtudes Teologais e a Maçonaria

Tendo em vista a necessidade de buscar argumentos que possam contribuir para o aprimoramento moral e espiritual dos Maçons, no sentido desenvolver e assegurar a fidelidade às obrigações assumidas, bem como aperfeiçoar seu caráter, a Ordem analisa os ensinamentos propiciados pelas Grandes Religiões. Tais estudos, como é óbvio, não se prendem a questões religioso-sectárias, o que sairia totalmente do espírito maçônico, mas sim ao conteúdo filosófico, ao núcleo ético, dos…

Read More >>

A∴ R∴ L∴ S∴ Construtores da Fidelidade Nº 199

A A∴ R∴ L∴ S∴ Construtores da Fidelidade Nº 199, foi fundada no dia 24 de Junho de 2014, em referencia ao dia de São João Batista, patrono da maçonaria, e instalada no dia 01 de outubro de 2014, sendo seu primeiro Venerável Mestre o irmão João Bosco Santos Hermínio Filho, sucedido pelo irmão André Luís Santos Hermínio, no dia 22 de Julho de 2015. Foi a primeira loja maçônica…

Read More >>
Simple Share Buttons
Simple Share Buttons