Je suis Charlie?: Uma perspectiva maçônica

20 de fevereiro de 2015

Está viva ainda na memória de todos o infame atentado terrorista ao jornal francês Charlie Hebdo, ocorrido em janeiro deste ano. Estavam entre as vítimas dois maçons do Grande Oriente de França e o esposo de uma mestra de uma Loja Mista. No mundo as manifestações a favor do jornal ganharam um tom: “Je suis Charlie”. Mas pode um maçom antigo e regular o ser? Explico o porquê. O Charlie…

Read More >>